• Seg. Fev 26th, 2024

Bruxelas: Portugal fez progressos mas deve enfrentar problema do crédito malparado

Share This !

O presidente do Banco Central Europeu (BCE), Mario Draghi, afirmou no Parlamento Europeu, em Bruxelas, que Portugal alcançou “progressos significativos” em “todas as frentes”, mas advertiu para o problema do crédito malparado, que “deve ser enfrentado”.

“Foram alcançados, de facto, progressos significativos em Portugal, em todas as frentes. Esse é o primeiro ponto que devemos ter em mente.
O segundo é que, no entanto, persistem vulnerabilidades significativas, em especial no setor bancário, onde ainda temos um número elevado de crédito malparado, como [acontece] em outros outros países, sobretudo da periferia, e estas vulnerabilidades devem ser enfrentadas”, afirmou.

Mario Draghi, que respondia a uma questão do eurodeputado português Pedro Silva Pereira, do PS, durante uma audição perante a comissão parlamentar de Assuntos Económicos, defendeu que “estas vulnerabilidades têm que ser enfrentadas antes de mais para o seu próprio bem [dos bancos], para a estabilidade do sistema bancário, mas também para explorar ao máximo a capacidade dos bancos portugueses de apoiarem e financiarem a economia real”.

O presidente do BCE reforçou que as vulnerabilidades resultantes do crédito malparado constituem “um entrave” à capacidade dos bancos conseguirem financiar empresas e famílias. (Ag.Lusa)

Conecte-se ao Facebook para poder comentar
Empresários da construção na seca de investimento público

Em Abril, a produção do sector da construção caiu 21,5%, face a mesmo mês de 2012, com a engenharia civil a cair 22,6%, diz a Associação de Empresas de Construção Read more

Governo não vai conseguir o corte na despesa

video - Governo não vai conseguir cortar os 4,7 mil milhões de euros na despesa e defende uma saída do Euro para Portugal, sublinhou Ferreira do Amaral O economista João Read more

Eurogrupo admite mais apoios para Portugal

O presidente do Eurogrupo admitiu hoje que poderão vir a ser consideradas medidas de apoio complementares a Portugal e Irlanda para ajudar estes dois países a saírem dos programas de Read more

Equador renuncia a acordo aduaneiro com os EUA devido ao caso Snowden

O Equador anunciou, que renuncia ao pacto aduaneiro com os EUA, que lhe valia tarifas preferenciais, denunciando o acordo como uma "instrumento de chantagem" num momento em que o Governo Read more

Troika duvida do plano de cortes na despesa do Estado português

A Troika deixou ontem Lisboa com dúvidas sobre o plano de cortes na despesa do Estado. Este é o balanço dos trabalhos realizados nos últimos cinco dias na capital portuguesa. Read more

Portugal deve deixar clara determinação em prosseguir o programa de ajustamento

Durão Barroso sublinhou, em Vilnius, a importância de Portugal continuar a mostrar a mesma determinação na implementação do programa de ajustamento, advertindo que os mercados reagem com nervosismo a qualquer Read more

Show Buttons
Hide Buttons