• Sáb. Out 1st, 2022

O risco de segundo resgate em Portugal está a aumentar

ByTeam

Set 23, 2013
Empresas tecnológicas

O próximo passo de Portugal deve ser uma nova oferta de troca em 2014, diz David Schnautz, do Commerzbank, ao Económico. O Commerzbank vê o risco de um segundo resgate financeiro a Portugal a aumentar com a indefinição política, sendo certo que, pelo menos, de uma linha de crédito cautelar Lisboa não escapará quando o actual programa terminar no próximo ano.

Uma opinião que hoje foi contrariada com as declarações públicas de Poiares Maduro a afastar a necessidade neste momento de um segundo apoio financeiro internacional.

“Portugal precisará pelo menos de uma linha cautelar, mas as probabilidades de um segundo resgate estão a aumentar”, declarou ao Económico o analista do banco alemão David Schnautz, para quem o acesso em pleno aos mercados de Portugal joga-se agora na “arena política”.

“Depois da pressão vendedora em Julho induzida por razões domésticas [com a crise política na sequência dos pedidos de demissão de Gaspar e Portas], nunca houve possibilidade de obter ganhos na venda de obrigações. Agora a bola está na arena política”, afirmou.

Schnautz considera que até Novembro não haverá qualquer clarificação política em relação a uma eventual segunda ajuda financeira, o que deixará Portugal em suspenso por mais dois meses e os mercados expostos ao risco de um perdão da dívida.

Neste cenário, antes de Lisboa voltar a emitir dívida com regularidade, diz Schnautz, o passo a ser tomado deverá ser o de troca de dívida, como aconteceu no final do ano passado… mais no JN


Conecte-se ao Facebook para poder comentar
Empresários da construção na seca de investimento público
construcao

Em Abril, a produção do sector da construção caiu 21,5%, face a mesmo mês de 2012, com a engenharia civil a cair 22,6%, diz a Associação de Empresas de Construção Read more

Governo não vai conseguir o corte na despesa
joao ferreira amaral

video - Governo não vai conseguir cortar os 4,7 mil milhões de euros na despesa e defende uma saída do Euro para Portugal, sublinhou Ferreira do Amaral O economista João Read more

Eurogrupo admite mais apoios para Portugal
EuroGrupo

O presidente do Eurogrupo admitiu hoje que poderão vir a ser consideradas medidas de apoio complementares a Portugal e Irlanda para ajudar estes dois países a saírem dos programas de Read more

Equador renuncia a acordo aduaneiro com os EUA devido ao caso Snowden
Ricardo Patino

O Equador anunciou, que renuncia ao pacto aduaneiro com os EUA, que lhe valia tarifas preferenciais, denunciando o acordo como uma "instrumento de chantagem" num momento em que o Governo Read more

Show Buttons
Hide Buttons