• Sáb. Out 1st, 2022

As vacinas e as eleições deixarão Portugal “ingovernável”

Jose-Miguel-Judice

José Miguel Júdice disse que o país está a ficar “ingovernável”, na atual conjuntura.

No espaço de comentário da SIC Notícias, ‘As Causas’, José Miguel Júdice falou sobre a administração da terceira dose da vacina, referindo que “o inverno está a chegar e os riscos de se repetir o caos do ano passado nos hospitais também regressa”, embora considere que várias infeções e mortes poderiam ser evitadas com um processo mais célere de vacinação que não está a acontecer na sua ótica.

Admite ainda que “tudo indica que até ao final de novembro não se vão vacinar todos os que foram previstos” (mais de 80 anos).

A DGS “não tem nenhum calendário a apresentar” e assiste-se a uma época de “pura incompetência” por parte da DGS o que pode afetar até as eleições porque já existia “experiência” em vacinar bem neste país e as pessoas podem perceber a incompetência do governo neste aspeto “a Graça Freitas é António Costa, Marta Temido é António Costa“.

Relativamente às eleições legislativas, José Miguel Júdice prevê que nenhum partido terá maioria absoluta ou uma maioria de Esquerda.

Do ponto de vista do comentador, o PS será o partido mais votado e vamos assistir à consolidação à Direita num modelo de quatro partidos, com um crescimento em comparação com 2019.

Não vão existir “pontes do PS com a Direita, pois o PSD será demasiado forte para aliado júnior”. Refere ainda que teme que o país fique “ingovernável” na atual conjuntura tendo em conta também o agravamento da pandemia. (Ag.Lusa)

Conecte-se ao Facebook para poder comentar
Passos Coelho critica a troika
Pedro Passos Coelho

Pedro Passos Coelho insurgiu-se contra a manifestação pública de divergências entre as instituições da troika (FMI, Comissão Europeia e Banco Central Europeu). Falando à margem de uma visita à Feira Read more

Falta de condições para pagar subsídios
passos coelho subsidios

O primeiro-ministro disse hoje que os subsídios de férias as trabalhadores da Função Pública não vão ser pagos este mês porque "não há ainda condições para que [esse pagamento] pudesse Read more

Fim do euro seria um erro dramático sublinhou Cavaco Silva
CAVACO SILVA

O Presidente da República, Cavaco Silva, defende numa entrevista ao programa da SIC Notícias "Europa XXI", emitido hoje, confiar "muito na sobrevivência do euro" e considerou que seria "um erro Read more

Durão Barroso não fez nada na Comissão Europeia diz Ministra francesa
Durão Barroso

A Ministra do Comércio Externo francês, Nicole Bricq, considera que José Manuel Durão Barroso "não fez nada durante o mandato", na polémica das últimas semanas entre Paris e o presidente Read more

Show Buttons
Hide Buttons