Bruxelas diz que últimas propostas do Governo vão no bom sentido

O comissário europeu dos Assuntos Económicos disse hoje que as mais recentes propostas do Governo português, no quadro das discussões sobre o plano orçamental para 2016, “vão no bom sentido”, mas afirmou ser cedo para antecipar a decisão final.

“Estamos a trabalhar intensamente, muito intensamente, e em boa cooperação com as autoridades portuguesas. Temos uma equipa no terreno, que está a trabalhar de forma estreita com o Ministério das Finanças.

E eu próprio, assim como o vice-presidente (Valdis) Dombrovskis, estou em contacto permanente com o ministro (Mário) Centeno, com quem falei há alguns minutos”, revelou Moscovici, numa conferência de imprensa em Bruxelas.

“Nos últimos dias, nas últimas horas, e mesmo nos últimos minutos, as autoridades portuguesas fizeram propostas que vão no bom sentido, mas que devemos ainda analisar em detalhe”, acrescentou.

Apontando que “Portugal tem dado provas de boa vontade” nas discussões ainda em curso, “tal como a Comissão Europeia”, cuja missão é assegurar que as regras europeias são respeitadas, Moscovici disse que “resta ainda trabalho hoje” e espera que seja possível alcançar “um acordo nas próximas horas”, mas advertiu que é muito cedo para antecipar um desfecho relativamente a uma decisão que cabe ao colégio de comissários tomar, na sexta-feira.

Facebook Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.