• Qui. Dez 1st, 2022

Falta de condições para pagar subsídios

passos coelho subsidios
Share This !

O primeiro-ministro disse hoje que os subsídios de férias as trabalhadores da Função Pública não vão ser pagos este mês porque “não há ainda condições para que [esse pagamento] pudesse ser processado”.

Segundo disse, à margem de uma visita à Feira Nacional da Agricultura em Santarém, só haverá provimento orçamental para pagar os subsídios depois de aprovado o Orçamento Retificativo, que se encontra na Assembleia da República (e só será votado dia 19).

“Então, disse, teremos os instrumentos para pagar”, afirmou Pedro Passos Coelho, que também sublinhou ser “claro” desde abril que os subsídios só seriam pagos em novembro.

A decisão de pagamento dos subsídios foi imposta ao Governo pelo Tribunal Constitucional, ao chumbar quatro artigos do Orçamento do Estado para este ano, artigos entre os quais se previa que a Função Pública não receberia subsídio de férias (apenas subsídio de Natal, e este pago em duodécimos).

Em 17 de abril, o Conselho de Ministro anunciou ter aprovado uma proposta de lei, agora a ser discutida no Parlamento, que regulava “a forma como se vai processar o pagamento do subsídio reposto aos servidores públicos”.

A proposta de lei dizia, segundo o comunicado então emitido, que “os duodécimos pagos desde o início do ano passam a reportar-se ao subsídio de férias ou equivalente”, sendo que “o pagamento do subsídio de Natal terá lugar no mês de Novembro”. [icon name=”icon-circle-arrow-right”] DN


Conecte-se ao Facebook para poder comentar
Passos Coelho critica a troika
Pedro Passos Coelho

Pedro Passos Coelho insurgiu-se contra a manifestação pública de divergências entre as instituições da troika (FMI, Comissão Europeia e Banco Central Europeu). Falando à margem de uma visita à Feira Read more

Fim do euro seria um erro dramático sublinhou Cavaco Silva
CAVACO SILVA

O Presidente da República, Cavaco Silva, defende numa entrevista ao programa da SIC Notícias "Europa XXI", emitido hoje, confiar "muito na sobrevivência do euro" e considerou que seria "um erro Read more

Durão Barroso não fez nada na Comissão Europeia diz Ministra francesa
Durão Barroso

A Ministra do Comércio Externo francês, Nicole Bricq, considera que José Manuel Durão Barroso "não fez nada durante o mandato", na polémica das últimas semanas entre Paris e o presidente Read more

Paulo Portas apresenta demissão do Governo
Paulo Portas

O ministro de Estado e dos Negócios Estrangeiros, Paulo Portas, apresentou hoje o seu pedido de demissão ao primeiro-ministro, Pedro Passos Coelho. A decisão "é irrevogável", adianta o ministro de Read more

Governo de coalizão anuncia acordo para sair da crise
Governo de coalizão

O primeiro-ministro português Pedro Passos Coelho conseguiu, nesta sexta-feira, um acordo com seu sócio de coalizão e ministro das Relações exteriores demissionário, Paulo Portas, cujos detalhes serão revelados mais tarde, Read more

O Desemprego na Zona Euro permanece em nível recorde
IEFP

Eurostat assume existência de 878 mil desempregados em Portugal em Julho, menos 42 mil que em Abril. Metade do recuo foi entre os jovens. O desemprego em Portugal fixou--se nos Read more