• Seg. Jun 21st, 2021

PS ganha com 31,46% deixando a coligação a três pontos de distância

ByTeam

Mai 26, 2014 ,
A. J. Seguro e Francisco Assis

Os socialistas deixam a coligação que suporta o Governo a apenas três pontos, quando estão contadas todas as freguesias. Uma distância inferior à que o PSD deixou o PS em 2009. Quanto aos eurodeputados, o PS deverá eleger oito, mais um que a Aliança Portugal.

O Partido Socialista venceu as eleições Europeias, indicam os resultados oficiais do Ministério da Administração Interna. Numa altura em que foram apurados 99,46% dos resultados (faltam apurar apenas os 17 consulados), o PS conseguiu eleger sete eurodeputados, mais um que a Aliança Portugal.
Contudo, no final o PS deverá conseguir eleger oito eurodeputados, mais um que a Aliança Portugal (sete).

A CDU já conseguiu dois eurodeputados e o MPT um. As duas forças políticas deverão conseguir mais um cada uma, ficando a CDU com três e o MPT com dois.

Faltam ainda ser atribuídos quatro mandatos, que devem ficar distribuídos cada um por estes partidos: PS, PSD/CDS, CDU e MPT.

De acordo com os dados do escrutínio provisório já divulgados, o PS obteve 31,45% (1.032.143), um resultado acima do que registou em 2009 (26,5%) enquanto que a coligação PSD/CDS obteve 27,71% dos votos (909.283). Já a CDU obtém 12,68% (416.102), melhorando igualmente o resultado de 2009.

A grande surpresa é o Partido da Terra, com Marinho e Pinto como cabeça de lista, que registou até ao momento 7,15% dos votos (234.516). O Bloco de Esquerda, por seu lado, regista o pior resultado em europeias desde 2004, tendo obtido 4,56% (149.546).

Entre os restantes partidos, apenas três conseguiram mais de 1%. O Livre ficou com 2,18% (71.523) e falhou a eleição de Rui Tavares para o Parlamento Europeu. O PAN obteve 1,72% (56.339) e o PCTP/MRPP ficou com 1,66% (54.610). (JN)


Facebook Comments
PSD responsabiliza o partido Socialista por “vinte anos perdidos” na economia
economia-portuguesa

O partido PSD responsabiliza o partido Socialista por "vinte anos perdidos" no crescimento da economia e no aumento da competitividade." "É incompreensível que a melhoria da nossa competitividade, enquanto país Read more

O socialista Carlos César está a ser investigado, e diz-se “disponível para os escrutínios”
Carlos-Cesar

O presidente do PS, Carlos César, antigo presidente do Governo dos Açores, disse desconhecer "qualquer inquérito judicial" que o envolva, mostrando-se "disponível para todos os escrutínios e para esclarecer sempre Read more

A “Geringonça” : retrato de um gigantesco embuste
Geringonca-portugal

Depois de ter sido derrotado nas eleições de 4 de Outubro de 2015, António Costa, sem ter tido a honestidade elementar de durante a campanha eleitoral o anunciar como possibilidade, Read more

“Vivemos uma espécie de intoxicação”. Como é que se pode saír disto?
parlamento-portugues

Procuradoria Geral da República. Tribunal de Contas. Banco de Portugal... Em todas estas instituições o PS assegurou o controlo. De forma brutal às vezes. E todos os dias, em cargos Read more

Show Buttons
Hide Buttons