• Dom. Ago 14th, 2022

Taxistas pedem milhões de indemnização à Uber e as autoridades portuguesas

ByTeam

Mai 12, 2016 , ,
uber

A associação Nacional dos Transportadores Rodoviários em Automóveis Ligeiros (ANTRAL) vai pedir milhões de indemnização por prejuízos contra a Uber acusando as autoridades que não impediram a operação da plataforma de transporte privado como co-responsáveis.

Em declarações à Lusa, Florêncio Almeida, presidente da ANTRAL comenta as declarações do presidente da Autoridade da Mobilidade e dos transportes (AMT), João Carvalho, que admitiu no parlamento que a Uber funciona de forma ilegal e que compete à ANTRAL pedir a execução da sentença que proibiu os serviços da Uber em Portugal.

“Não é verdade. O próprio tribunal notificou todas as autoridades do país para fazerem cumprir a decisão. Não é a ANTRAL que tem de pedir o cumprimento da sentença. O próprio tribunal decidiu.

Notificou o IMT, notificou o Governo, notificou a ANACOM, notificou as câmaras de Lisboa, Porto e Coimbra. Notificou as operadoras de telecomunicações. Tudo foi notificado para cumprir”, disse o presidente da ATM.

Após a notificação e não terem agido, as autoridades estão a “incorrer numa coima diária de 10 mil euros” e vão ser incluídas na ação principal contra a Uber.

Florêncio Almeida diz ainda que vão pedir indemnização “de milhões, não de meia dúzia de tostões”, com base “em prejuízos causados à indústria do táxi”.

Uma nova empresa começou esta quarta-feira a operar em Portugal, a Cabify. Mas a Antral irá mover uma providência cautelar. (Ag.Lusa)

Conecte-se ao Facebook para poder comentar
Parlamento aprova lei que vai regular atividade de Uber e Cabify
uber

O parlamento aprovou hoje em votação final global a lei que vai regular a atividade das plataformas eletrónicas de transporte de passageiros em viaturas ligeiras descaracterizadas. O projeto foi aprovado Read more

Emigrantes: Anulação de votos pode levar a desmobilização do eleitorado
eleicoes-votos

O especialista em migrações Jorge Malheiros alertou que a anulação de milhares de votos dos emigrantes pode provocar um efeito "de pêndulo" e, depois do aumento da participação em 30 Read more

Corrupção: Comarca de Lisboa regista 165 casos de branqueamento de capitais em 2021
Corrupcao-comarca-Lisboa

O número de inquéritos-crime registados em 2021 pelo Ministério Público da Comarca de Lisboa por branqueamento de capitais foi de 165 e no tocante a crimes de corrupção e afins Read more

Portugal : Assembleia da República aprova legalização da eutanásia
eutanasia

A Assembleia da República aprovou (novamente), esta sexta-feira, a legalização da eutanásia - com 138 votos a favor, 84 contra e cinco abstenções. A decisão segue agora para o Palácio Read more

Show Buttons
Hide Buttons