• Sáb. Out 1st, 2022

Bebidas e Alimentos que são prejudiciais para a saúde do seu cérebro

Bebidas-Alimentos

Cuidar da saúde do cérebro é essencial e segundo a Healthline, plataforma especializada em saúde, existem vários tipos de alimentos e bebidas que podem ser muito prejudiciais, por isso, devem ser evitados ou pouco consumidos.

É importante, por exemplo, não abusar das bebidas com muito açúcar como refrigerantes e sumos de fruta. O seu consumo, em excesso, pode resultar em vários problemas como diabetes tipo 2 ou doenças cardíacas.

Além disto, também são prejudiciais para o cérebro porque aumentam, significativamente, o risco de vários tipos de demência, incluindo Alzheimer. É também possível que provoquem problemas na memória, na capacidade de aprendizagem e no funcionamento do cérebro, em geral.

Os alimentos com carboidratos refinados também não devem fazer parte da sua alimentação. É o caso de arroz e pão branco ou massas que têm um nível glicémico alto – que é rapidamente digerido pelo corpo e pode causar picos de açúcar no sangue e insulina.

Os alimentos que têm estas características são conhecidos por prejudicarem o funcionamento do cérebro e causar problemas mais sérios.

Consumir álcool, em excesso, também pode ter consequências muito negativas para o seu cérebro. Podendo, por exemplo, reduzir o volume cerebral, provocar alterações metabólicas e interromper a comunicação entre neurotransmissores, essencial para o bom funcionamento do cérebro.

É também possível que o alcoolismo resulte em síndromes e doenças graves com sintomas como perda de memória, desequilíbrio e problemas na visão.

Peixes com muito mercúrio, como o peixe-espada, não devem aparecer, regularmente, no seu prato, porque podem ser tóxicos.

Quando as pessoas o consomem em excesso, ele espalha-se pelo corpo, concentrando-se no cérebro, fígado e rins, já em mulheres grávidas o mercúrio pode acumular-se na placenta e no feto.

Os efeitos de uma intoxicação de mercúrio incluem perturbações no sistema nervoso central e neurotransmissores, podendo também estimular neurotoxinas que causam danos no cérebro. (CL & Noticiasaominuto)

Conecte-se ao Facebook para poder comentar
Estudo indica que obesidade abdominal provoca disfunção eréctil
obesidade-gordura

Um estudo realizado pela Faculdade de Medicina da Universidade do Porto (FMUP), mostra que o índice de gordura acumulada na zona abdominal “pode servir de indicador de disfunção eréctil”, recente Read more

Café pode reduzir até 25% o risco de diabetes
Café

Um consumo regular de café contribui para estimular o metabolismo e equilibrar os níveis de glucose, o que diminui até 25 por cento o risco de desenvolvimento de diabetes tipo Read more

PS quer explicações do ministro da Saúde sobre emergência médica
INEM

O PS anunciou que formalizará, na Assembleia da República, a entrega de um requerimento para que o ministro da Saúde seja ouvido no parlamento sobre urgência e emergência médica, considerando Read more

Weedmaps é o Google Maps da marijuana e já chegou à Europa
weedmaps

Em meia hora de caminhada pelo paredão de Venice Beach encontra-se pelo menos meia dúzia de lojas que vendem marijuana e ensinam a consumir. Nestes Green Doctors é possível encontrar Read more

Show Buttons
Hide Buttons