Ciberataques aos telemóveis aumentaram 600 % em um ano

video – Os utilizadores de smartphones não estão imunes aos ataques dos piratas informáticos, que multiplicaram os seus ataques aos telemóveis, usando como arma desde a simples fraude comercial à espionagem industrial.

Entre março de 2012 e março de 2013, o número de programas perniciosos introduzidos sub-repticiamente nos telefones com acesso à internet aumentou 614 %, calculou a empresa Juniper, situada em Silicon Valley, na Califórnia.

O estudo demonstra que o sistema operacional da Google, Android, é particularmente afetado pelos ataques informáticos.

O primeiro tipo de ataque consiste no envio de mensagens comerciais para os telemóveis a propor um falso serviço, através de um pagamento de 10 ou 50 cêntimos, por exemplo.

Segundo Toubba, os piratas informáticos “podem não deixar qualquer vestígio”, encaixando o dinheiro e cancelando os números utilizados no esquema. Este processo costuma ser feito sob a forma de SMS ou de e-mails que propõem a atualização de um programa ou de uma aplicação. O estudo revela também que a maior parte dos ataques é levada a cabo a partir da Rússia ou da China.

Além disso, a Juniper observa a ocorrência de ataques mais sofisticados, incluindo a pirataria de dados de empresas ou de governos. “Eles (os piratas) podem utilizar o dispositivo como um veículo de reconhecimento antes de irem mais longe na rede de uma empresa”, explicou Toubba, indicando que muitos funcionários têm acesso ao seu servidor profissional através do seu telefone.

A Juniper afirma ter observado que “vários ataques [a smartphones] podem ter sido utilizados para roubar informações corporativas sensíveis ou para lançar uma ofensiva mais ampla”. Uma tendência criminosa que, segundo adverte o relatório, deverá aumentar de “forma exponencial nos próximos anos”.

Para informação, existe no mercado a Protecção anti-roubo e anti-malware superior para telemóveis : Kaspersky Mobile Security ou pode vêr aqui também o modelo do seu telemóvel e descarregar (download) o: Kaspersky Mobile


[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=FKXyMwBJr1c[/youtube]

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.