• Ter. Ago 16th, 2022

Covid: como se comporta a Ómicron nos vacinados ? Eis oito sintomas comuns

variante-omicron

Eis oito sintomas comuns. Como se comporta a Ómicron nos vacinados ?

Embora a vacinação seja um escudo-protetor contra formas graves de coronavírus, a verdade é que não impede a infeção a 100%. Sendo assim, como é que a variante Ómicron atua em pessoas vacinadas ?

Um estudo norueguês, publicado na revista Eurosurveillance e citado pelo The Sun, identificou os principais sintomas desta variante do SARS-CoV-2, tendo por base um surto relacionado com comemorações de Natal. Nessa altura, a Ómicron só existia há 10 dias.

Dos 110 participantes inquiridos, 81 contraíram Ómicron na festa. A esmagadora maioria (mais de 95%) dos que estiveram na festa, em novembro de 2021, tinham sido vacinados com duas doses.

Com base nestes dados, os investigadores apontam os oito sintomas mais comuns em vacinados e que, neste caso, afetaram 40% dos participantes da festa que foram inquiridos. Ei-los:

1- Tosse (83%)
2- Pingo no nariz (78%)
3- Fadiga (74%)
4- Dor de garganta (72%)
5- Dor de cabeça (68%)
6- Dores musculares (58%)
7- Febre (54%)
8- Espirros (43%)

Já os investigadores que trabalham na aplicação móvel do Estudo de Sintomas de Covid, promovido pela empresa de investigação científica Zoe, dizem que os principais sintomas em vacinados são:

Pingo no nariz (74%)
Dor de cabeça (68%)
Dor de garganta (65%)
Fadiga (64%)
Espirros (60%)
Tosse persistente (42%)
Rouquidão (38%)

Na passada semana, recorde-se que a Zoe Covid Study, acrescentou um novo sintoma à extensa lista daqueles que são causados pela Covid-19: dor na região da coluna lombar (20%). Contudo, no início de dezembro de 2021, os médicos sul-africanos já haviam dito que a dor lombar era um dos sintomas da variante.

Os doentes infetados com a variante Ómicron podem ainda sofrer um conjunto muito amplo de sintomas, alguns dos quais invulgares, como suores noturnos, vómitos e diarreia, confusão mental, problemas de visão e oculares.

O que fazer se apresentar sintomas:

Mantenha a calma e evite deslocar-se aos hospitais. Fique em casa e ligue para o SNS 24 (808 24 24 24). Escolha a opção 1 (para outros sintomas deve escolher a opção 2) ou 112 se for emergência médica. Siga todas as orientações dadas e evite estar próximo de pessoas, mantendo uma distância de, pelo menos, dois metros. (Noticiasaominuto)

Conecte-se ao Facebook para poder comentar
Estudo diz : Pessoas infetadas e vacinadas adquirem “super imunidade”
vacinadas-adquirem-super-imunidade

Um estudo publicado numa prestigiada revista científica mostra que as vacinas da Pfizer e da AstraZeneca conferem 90% de proteção contra hospitalizações e mortes. As pessoas que estiveram infetados pelo Read more

“A pandemia é a verdadeira assassina e o obscurantismo pode ajudá-la”
almirante-Gouveia-Melo

O vice-almirante Gouveia e Melo foi recebido entre insultos e vaiado por um grupo de manifestantes anti-vacinação, no centro de vacinação de Odivelas, ao final da noite deste sábado. Entre Read more

O maior produtor mundial de vacinas pede paciência a países que aguardam entregas
AstraZeneca

Covid-19: responsável pela produção de centenas de milhões de doses da vacina anglo-sueca AstraZeneca, a empresa indiana pediu "paciência" devido à prioridade dada à campanha de vacinação da Índia. O Read more

Pfizer e BioNTech fornecem 200 milhões de doses adicionais à UE
Vacina-Pfizer-09-11-2020

Vacinas: "o número total de doses a serem entregues aos estados membros da UE até o final de 2021 é agora de 500 milhões". Informação foi revelada hoje em comunicado. Read more

Show Buttons
Hide Buttons